Página 2 de 2

MANUAL TERAPÊUTICO-FILÓSOFICO PACE – PSICODINÂMICA e ABORDAGEM COSMO-EXISTENCIAL

Como orientação precípua, a terapia proposta pretende posicionar o indivíduo no rumo da universalidade; minar as impressões societárias impositivas e limitantes (oriundas de debates e contendas histórico-culturais fatuais e acidentais); transcender as fixações dúbias em veracidade e legitimidade. Baixar Livro: 121123101442_Manual_PACE

Leia mais

MANIFESTO ESSENCIALISTA

Expressar uma intuição filosófica é verter um conhecimento imediato e mítico à inteligibilidade, o que conduz a reciprocidades cujo valor existencial depende da virtude da intuição genésica. 1.Tese (…) uma impressão metafísica batismal infeliz não entrava a realização de opções mais sublimes e côngruas, apreciações e escolhas filosóficas livres e conscientes. 1.1 Introdução O intento filosófico essencialista […]

Leia mais

O ESSENCIALISMO NOS PORTAIS DA CIVILIZAÇÃO

Diálogo da poesia com a razão – ensaio em filosofia pré-socrática Ensaio publicado: Filosofia, Ciência & Vida Especial – nº 2; Editora Escala, SP; Portal da Existência, p. 72 – aqui revisado e completado. Régis Alain Barbier O PORTAL Viajar na direção pré-socrática requer um veículo sofisticado: o engenho do tempo-mítico. O deslocamento não é […]

Leia mais

O PARADOXO UNITÁRIO

Intuição, Virtude e Decisão ÍNDICE INTRODUÇÃO BREVE NAMASTÉ! DA FILOSOFIA QUE AQUI SE EXPLICITA DAS EXTRAPOLAÇÕES DA CIÊNCIA FILOSÓFICA DO DISCERNIMENTO JUSTO E SAGITAL METAFÍSICA – SABER PARADOXAL DA NATUREZA COGNITIVA DO NÃO-SABER DAS COORDENADAS METAFÍSICAS SECUNDÁRIAS COORDENADA COSMO-EXISTENCIAL COORDENADA TRANSCENDENTE-TRANSCENDENTAL O NOVO ALVORECER Introdução breve Ser parte do processo existencial, dotado do poder de […]

Leia mais

Pôr-do-Sol Limitado – Diálogo existencialista

Comentário filosóficos sobre o filme Sunset limited de Cormac MacCarthy – atores: Tommy Lee Jones & Samuel L. Jackson Do enredo Trata-se de um diálogo existencialista envolvendo dois personagens. Um ex-presidiário, homem que conheceu o inferno, cumpriu sua pena e salvou-se ancorado, como uma ostra nas pedras, em sussurros místicos e palavras bíblicas, e, um professor […]

Leia mais

ANTROPOLOGIA Ciência e arte existencial – uma nova epopeia

A antropologia não pode ser neutra; o antropólogo existe como estado-de-ser situado, inscrito numa cultura, marcado por impressões batismais. Para ser digno, o estudo antropológico deve reportar ao que é universal, coligado ao que é inerente e específico do Homo sapiente, sapiente: a capacidade de enxergar-se como estado-de-ser suspenso no eternal, apto a considerar as […]

Leia mais

CONJUGAÇÕES METAFÍSICAS E ANACRONISMOS Epicuro e Heidegger

Junho 2012 – Régis Alain Barbier – Aldeia Onde está a fonte referencial e primeva da filosofia? Ela não se loca em pergaminhos, mas na experiência vital. Conceitos expressos e gravados em uma ou outra arte significam-se atualizados na experiência e conhecimento que opera na primeira voz do estado-de-ser. A primeira voz do presente é […]

Leia mais

Página 2 de 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén